Segunda, 09 Setembro 2019 15:24

Após comprar 14 mil livros com temática LGBT, Felipe Neto rebate Hashtag o criticando Destaque

Escrito por 
Avalie este item
(0 votos)
Após comprar 14 mil livros com temática LGBT, Felipe Neto rebate Hashtag o criticando Foto: Instagram

Após o prefeito do Rio de Janeiro, Crivella, conseguir apoio de TJRJ, para recolher HQ “Vingadores: A Cruzada das Crianças”, nessa quarta-feira, 4 de setembro, pessoas de todo o Brasil rebateram o ato como uma censura e retrocesso, o que acabou chegando a conhecimento do Youtuber, empresário e ator Felipe Neto.

Felipe Neto, pediu apoio nas redes sociais depois de comprar cerca de 14 mil livros com temática LGBT para serem distribuídos durante a XIX Bienal Internacional do Livro no Rio de Janeiro. Mesmo com uma fila imensa de apoiadores do ato, desde jovens à adultos, ficais da Prefeitura ainda chegaram a rondar o local para recolher os livros, o que causou mais revolta das pessoas que estavam na Bienal, além de internautas.

Autores de todo o Brasil se voluntariaram para a distribuição, além de fazerem postagens sobre repúdio a censura em suas redes sociais, como o cartunista Maurício de Souza, criador da Turma da Mônica. Antes que os fiscais conseguissem chegar no local, a distribuição foi esgotada com sucesso.

Nas redes sociais, bolsonaristas chegaram a subir uma Hashtag contra o ato de Felipe Neto, a chamada #PaisContraFelipeNeto, teve mais acesso de apoiadores do Youtuber, que o defenderam dos ataques ditos como conservadoristas e homofóbicos.

Fui ver a hashtag q o PSL criou pra me atacar e colocou bots pra impulsionar, mas só tinha tweet de pessoas do meu lado.
Bots não conseguem vencer o povo, PSL. Na próxima, tentem com mais força.
Vocês são fracos.”, disse o Youtuber em sua rede social, Twitter.

 

Ana Luíza Gomes

Ler 187 vezes